Escola Paulista de Medicina
Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva 

 

 

Disciplina: PREVENÇÃO AO USO DE DROGAS NO CONTEXTO DA SAÚDE COLETIVA - 2021

  • Nome/título
    PREVENÇÃO AO USO DE DROGAS NO CONTEXTO DA SAÚDE COLETIVA - 2021
  • Responsável
    Profa. Dra. Zila van der Meer Sanchez
  • Corpo Docente
    Profa. Dra. Pollyanna Fausta Pimentel de Medeiros; Profa. Dra. Juliana Yurgel Valente; Profa. Dra. Ana Paula Dias; Profa. Dra. Jaqueline Galdino Albuquerque Perrelli
  • E-mail para contato
    zila.sanchez@unifesp.br
  • Início - inscrição
    2021-01-18
  • Término - inscrição
    2021-02-04
  • Início - curso
    2021-02-12
  • Término - curso
    2021-11-12
  • Local
    Online Via Zoom
  • Dias e Horários
    Assíncrona: 5 horas por mês (necessariamente executadas anteriormente à aula síncrona); Síncrona: 4 horas por mês, das 13h30 às 17h30 às sextas-feiras (1 encontro síncrono ao mês)Sextas-feiras (12 de fevereiro, 12 de março, 09 de abril, 14 de maio, 11 de junho, 13 de agosto, 10 de setembro, 08 de ou
  • Vagas/ Número máximo de alunos
    20
  • Carga horária - Teórica
    81
  • Carga horária - Prática
    0
  • Carga Horária Total
    81
  • Creditos
    5
  • Critérios de ingresso
    Nao há
  • Ementa
    O curso oferece material para estudo e reflexão sobre os princípios teóricos e práticos da prevenção ao uso de drogas e suas inter-relações com a saúde coletiva. Serão discutidos os principais motivos pelos quais as drogas se tornaram uma questão de saúde pública mundial e como a ciência tem respondido a esta questão, desde estudos que identifiquem o problema (diagnóstico da situação) até aqueles que avaliem intervenções (redução o consumo e/ou dos danos associados). Serão discutidos os principais desenhos de estudo que permitem a construção de políticas públicas e leis até a execução de programas de prevenção baseados em evidências, além do impacto na saúde pública do uso de drogas por adolescentes. A prevenção será discutida tanto do ponto de vista de programas estruturados quanto das políticas públicas. Também serão debatidos resultados de estudos de avaliação de programas de prevenção ao uso de drogas publicados em revistas indexadas, de qualidade reconhecida, de maneira a permitir que os estudantes identifiquem as intervenções com mais alto grau de evidência dentro da área da prevenção ao uso de drogas, bem como os desenhos epidemiológicos e as análises estatísticas mais adequadas para a resposta a diferentes perguntas de pesquisa no campo da prevenção ao uso de drogas.
  • Avaliação de aprendizagem
    A estrutura do curso se pauta em aulas teóricas em tempo real através de plataforma Zoom, seminários apresentados pelos alunos, fóruns de discussão e portfólio através de Google Classroom, intercalando atividades síncronas e assíncronas. A nota final será atribuída à qualidade do portfólio apresentado e pela participação nas atividades síncronas e assíncronas previstas. O aproveitamento será avaliado mensalmente, visto que as entregas serão acompanhadas de retorno avaliativo.
  • Conteúdo Programático
    1º Encontro - 12 de fevereiro : Apresentação de ementa da disciplina e as atividades planejadas. Levantamento do conhecimento sobre o tema com os estudantes. Por que as drogas se tornaram uma questão de saúde pública? Como conduzir estudos para diagnóstico do consumo de drogas em uma população? Epidemiologia do uso de drogas no Brasil. Profa. Dra. Pollyanna Fausta Pimentel de Medeiros
    2º Encontro (12 de março): Efeitos das principais drogas de abuso (álcool, maconha, tabaco, cocaína e crack) -
    Profa. Dra. Zila van der Meer Sanchez
    3º Encontro (09 de abril): O que é prevenção ao uso de Drogas? Como identificar fatores de risco e proteção ao uso de drogas? Prevenção ao uso de drogas em escolas -Profa. Dra. Ana Paula Dias Pereira
    4º Encontro (14 de maio): Aspectos familiares como fatores de proteção e risco ao uso de drogas. Programas no âmbito Familiar e Instrumentos de avaliação - Profa. Dra. Juliana Yurgel Valente
    5º Encontro (11 de junho): Uso de drogas e saúde mental entre universitários: instrumentos de medidas e intervenções possíveis -Profa. Dra. Jaqueline Galdino Albuquerque Perrelli
    6º Encontro (13 de agosto): Diretrizes internacionais da prevenção ao uso de drogas; Como avaliar programas de prevenção? Como selecionar bons programas de prevenção? Profa. Dra. Juliana Yurgel Valente
    7º Encontro (10 de setembro): Prevenção ambiental; Drogas e Mídia; Normais sociais - Profa. Dra. Zila van der Meer Sanchez
    8º Encontro (08 de outubro): Cenas abertas de consumo de drogas e redução de danos como forma de prevenção - Profa. Dra. Pollyanna Fausta Pimentel de Medeiros
    9º Encontro (12 de novembro) -Debate sobre descriminalização e Legalização das drogas e Avaliação final
  • Referências
    1. Boyle, Peter, et al. Alcohol: Science, Policy, and Public Health. Oxford. 2013.
    2. Degenhardt L, Stockings E, Patton G, Hall WD, Lynskey M. The increasing global health priority of substance use in young people. Vol. 3, The Lancet Psychiatry. 2016.
    3. EMCDDA. Environmental substance use prevention interventions in Europe, 2019. https://www.emcdda.europa.eu/system/files/publications/7882/Environmental-substance-use-prevention-Interventions-in-Europe.pdf
    4. Faggiano F, Minozzi S, Versino E, Buscemi D. Universal school-based prevention for illicit drug use. Cochrane Database of Systematic Reviews 2014, Issue 12. Art. No.: CD003020. DOI: 10.1002/14651858.CD003020.pub3.
    5. Foxcroft, D; Tsertsvadze, A (2011) Universal school-based prevention programs for alcohol
    6. Gilligan C, Wolfenden L, Foxcroft DR, Williams AJ, Kingsland M, Hodder RK, Stockings E, McFadyen TR, Tindall J, Sherker S, Rae J, Wiggers J. Family-based prevention programmes for alcohol use in young people. Cochrane Database Syst Rev. 2019 Mar 19;3(3):CD012287. doi: 10.1002/14651858.CD012287.pub2.
    7. Hall WD, Patton G, Stockings E, Weier M, Lynskey M, Morley KI, et al. Why young people’s substance use matters for global health. The Lancet Psychiatry [Internet]. 2016 Mar;3(3):265–79. Available from: http://dx.doi.org/10.1016/S2215-0366(16)00013-4
    8. misuse in young people. Cochrane Database of Systematic Reviews, 5 (CD009113). Doi: 10.1002/14651858.CD009113
    9. NIDA. Preventing Drug Use among Children and Adolescents, 2nd Ed. [Internet]. NIH Publication No. 04-4212(A); 2003 [cited 2017 Jan 1]. p. 6–17. Available from: https://www.drugabuse.gov/sites/default/files/preventingdruguse_2_1.pdf
    10. Nutt, David. Drugs Without the Hot Air: Making Sense of the Legal and Illegal Drugs – UIT Cambridge- 2020
    11. Pereira APD, Sanchez ZM. Drug use prevention: factors associated with program implementation in Brazilian urban schools. BMC Public Health. 2018 Mar 7;18(1):334. doi: 10.1186/s12889-018-5242-y.
    12. United Nations Office on Drugs and Crime, World Health Organization (WHO). International Standards on Drug Use Prevention - Second updated edition [Internet]. United Nations Office on Drugs and Crime; 2018. p. 58. Available from: http://www.unodc.org/documents/prevention/standards_180412.pdf
    13. Valente JY, Cogo-Moreira H, Sanchez ZM. Gradient of association between parenting styles and patterns of drug use in adolescence: A latent class analysis. Drug Alcohol Depend. 2017 Nov 1;180:272-278. doi: 10.1016/
    •  

    © 2013 - 2021. Universidade Federal de São Paulo - Unifesp

    Campus São Paulo - Rua Botucatu, 740 - 5º andar - sala 563 - Vila Clementino, São Paulo - SP - ppg.saudecoletiva@unifesp.br

    Please publish modules in offcanvas position.